12 dezembro 2010

Branca de neve


 
 Num dia muito frio, uma bela rainha estava sentada perto da janela, bordando um lençol de nenê. Sem querer, ele espetou o dedo na agulha e caíram três gotas de sangue. Então a rainha olhou para fora e fez um pedido:
- Quero ter uma filha de pele branca como a neve que está caindo, cabelos pretos como a madeira desta janela e boca vermelha como o sangue que saiu do meu dedo.
Alguns meses depois, a rainha deu à luz uma menina do jeitinho que tinha pedido.
E resolveu chamá-la de Branca de Neve.
Dia e noite ela ficava do lado da filha, cuidando dela com muito amor e carinho.
Mas a rainha morreu antes de criar a filha como queria.
O rei chorou durante meses, até que conheceu uma princesa lindíssima e se casou com ela. A princesa só tinha beleza, porque o resto nela era só vaidade, orgulho e malvadeza. O dia todo ficava na frente do espelho, perguntando:
- Espelho, espelho meu, existe no mundo mulher mais bonita do que eu?



E o espelho, que era mágico, dizia:
- Não, rainha, você é a mais linda.
Enquanto a rainha conversava com o espelho,

Branca de Neve crescia bonita
 
como ela só, era de uma formosura que não tinha igual no planeta inteiro.
Tanto assim que um dia a rainha ouviu do espelho uma resposta que não esperava:
 
- Sim, existe outra muito mais bonita que você.
- E quem é essa atrevida? - perguntou ela.
- Branca de Neve!
Desde então a rainha que era má, começou ameaçá-la.

Branca de Neve com medo foi se refugiar na floresta,na casa dos sete anões.







Foi muito bem aceita pelos anões,
pois ela cozinhava, lavava e passava para os sete anõezinhos.
Todos eram felizes naquela casa.
Todos os dias como de costume os anões saíam para trabalhar e deixavamBranca de Neve cuidando da casa.

Enquanto isso a rainha preparava um plano mirabolante,


transforma-se na bruxa mais horripilante e má. . . .





De repente surpreendentemente aparece na janela uma velhinha pedindo água à Branca de Neve.
Ela muito boa recebe a velha e esta em agradecimento oferece à Branca de Neve uma maçã, e pede a ela que dê uma mordida e faça um pedido.

Mal sabia ela que aquela velha era a rainha, sua madrasta,aplicando-lhe o golpe fatal.






Infelizmente Branca de Neve não resistiu e caiu no sono da morte.


O anões chegaram logo após, mas não conseguiram impedir que mordesse a maçã, mas conseguiram finalmente acabar com a bruxa, perseguiram-na até que despencou de um penhasco, morrendo em seguida.



A tristeza toma conta dos anõezinhos.

Quando de repente um jovem aproxima-se de Branca de Neve, naquele sono profundo e lhe dá um beijo apaixonado.




Imediatamente Branca de Neve desperta do sono da morte e vai embora com seu príncipe, agradecendo aos anões por tudo que fizeram por ela.


Pooh procura mel









rsinho Pooh era muito gordo. Ele morava em um velho carvalho na Floresta dos Cem Acres.
odas as manhãs, Pooh praticava seus exercícios pesados.
as, ao ver sua barriga, Pooh lembrava-se de sua comida preferida: mel!

Pooh ouviu um zumbido de abelha e o seguiu. Abelhas significam mel!
Pooh acompanhou a abelha até uma árvore alta. Upa . . . Upa . . .  ele subiu. Ele se esticou na direção do buraco do mel.






Mas aí ele caiu . . . despencou . . . e despencou e caiu em cima de um arbusto de espinhos.




Pooh ainda queria aquele mel.
Ele foi pedir a Christopher Robin, seu melhor amigo, que o ajudasse. Pooh encontrou seu amigo com Can, Guru, ló e Corujão.
Pooh perguntou a Christopher Robin se ele podia emprestar um grande balão azul.
Ele se cobriu de lama para parecer uma nuvem de chuva!
ooh flutuou até o buraco de mel e pegou uma grande porção.
  
As abelhas ficaram muito zangadas e saíram atrás de Pooh.
e repente o balão estourou. Pooh caiu e foi apanhado por Chritopher Robin.





s amigos correram e se jogaram dentro de um lamaçal, escondendo-se das abelhas debaixo do guarda-chuva de Chritopher Robin.
Christopher Robin abraçou Pooh. "Você é mesmo um velho urso adorável, mas tolo"- ele disse.



II cronicas 7:14-16

se meu povo, que chama pelo meu nome se humilhar,e orar, e buscar a minha face, e se desviar dos maus caminhos, entao eu ouvirei do ceu, e perdoarei os seus pecados e sararei a sua terra. agora estao abertos os meus olhos e atentos os meus ouvidos a oracao que se fizer neste lugar. pois agora escolhi e consagrei esta casa para que nela estejam meu nome para sempre, e nela estarão fixo os meus olhos e o meu coracao perpertualmente.

Envie esta página a um amigo!
Indique o Site!

contador de hists

visitantes

graciene

graciene

Graciene e Ana Julia

chiquinho

Ocorreu um erro neste gadget

ANA JULIA, MINHA NETA FOFA

ANA JULIA, MINHA NETA FOFA
uma estrelinha
Ocorreu um erro neste gadget

Recent Posts

Pesquisar este blog

Pictures of Butterflies

Loading...

Páginas